Paris - Dia 1


Bom diaa! Vamos começar nosso relato detalhado por Paris!

Primeiro passo antes de chegar lá foi comprar um mapa pequeno da cidade e olhar o do metrô na internet para já nos preparamos o que ficava perto do que, qual metrô era mais perto do hotel e dos lugares, etc.

 

O metrô de Paris pode assustar à primeira vista, mas não é complicado, e o melhor, tem em váriosss pontos da cidade! Todo lugar que você pensar tem algum ponto perto, do nosso hotel mesmo tinham duas opções perto dai dependendo da linha que queríamos pegávamos um ou outro.

 

 

Se estiver com o mapa da cidade em mãos basta olhar onde você está para achar a estação mais perto, as estações de metrô terão a letra “M”. Você pode optar pelo RER também, é mais rápido, mas você não o encontrará em todas as estações de metrô. Para se localizar, as linhas de metrô são numeradas e as linhas RER são rotuladas com letras, de A a E.

 

Pode comprar  o ticket na própria estação de metrô, nos guichês ou nas máquinas automáticas. Elas são bem fáceis de usar, da para escolher inglês ou espanhol e aceitam cartão de crédito, moedas e notas.

 

Para quem vai andar muito de metrô como nós andamos compensa comprar o carnê com 10 tickets, que sai mais barato que comprar cada um separado. Com um ticket você pode fazer quantas conexões forem preciso para chegar no seu destino e pode usar também o RER dentro da zona 2, fora dessa zona precisa de um outro bilhete específico do RER.

 

ATENÇÃO: Não jogue fora o seu ticket depois que passar pela catraca da entrada, espere até chegar ao destino e sair na rua, pois pode acontecer de ter policiais parados nos desembarques cobrando o ticket e quem não tiver nenhum em mãos tem que pagar multa.

 

Olhamos todo o mapa do metrô pela internet e anotamos o nome das linhas para chegar do aroporto até o hotel e chegando lá pegamos um mapa físico que eles oferecem nas estações. Pegamos o RER no aeroporto e paramos na Gare du Nord para trocar de linha, mas foi muito tranquilo.

Ao sair do desembarque no aeroporto você já consegue ver placas indicando o caminho para o RER, vai estar escrito “Gare SNCF”. Basta comprar a passagem por 10 euros na máquina automática ou no balcão e embarcar. Descemos na Gare du Nord e seguimos as placas para a nossa linha, não esqueça do olhar qual o sentido que precisa ir pois toda linha tem dois sentidos. É bem parecido com o metrô de São Paulo.

 

 

Depois de fazer check-in no hotel o primeiro passo foi ir atrás de roupas de frio, afinal chegamos em Paris no auge do inverno e as nossas roupas não eram adequadas. Fomos direto na Décathlon e compramos todas as coisas básicas para nos proteger gastando pouco! Coisas importantes que compramos lá: luvas de lã, meias de lã, palminhas térmicas para tênis, botas, segunda pele, blusas, calças.

 

Devidamente protegidos saímos na rua e aproveitamos para conhecer o que estava por perto da loja.

 

Passamos pela Ópera, ela é linda e da para ficar ali parada apreciando o lugar por horas! A Igreja de la Madeleine é muito imponente e suas luzes quando escurece dão um charme maior ao lugar.

 

Ópera

                                                   Ópera

 

                    Igreja de La Madeleine

 

Jantamos na frente dela, no Café Madeleine que estava uma delícia e gastamos 40 euros.

 

 

Como era noite de Ano Novo voltamos para hotel nos aprontar e fomos para o Arco do Triunfo, onde teve show de fogos de artifício e estava megaaaa lotado!

O metrô na virada do ano é de graça a partir das 17h então vira uma loucura! É bom se programar para ir antes a qualquer lugar. Atenção que ele fecha 1:30h e só volta a funcionar 5:00h, é muito importante programar o horário que pretende voltar para o hotel nesse dia porque depois que fecha o metrô vira caos e nem táxi acha.

 

 

Depois da virada fomos para a festa no Palais de Tokyo, um museu na frente da Torre Eiffel, e aproveitamos para apreciar ela brilhando antes de entrar. A festa foi muito animada! Ótimos djs com música para todos os gostos! Depois da festa o metrô já estava fechado e estava impossívellll achar um táxi! Então fomos andando até uma estação de ônibus e perguntando achamos um que passava perto do hotel. Foi a nossa salvação, então é bom se programar bem para essa noite do ano.

 

 

Depois disso só queríamos uma cama!! hehe! Até o próximo post com o segundo dia!!

Confira também

Casa de Taipa - Natal

Casa de Taipa - Natal

VEJA MAIS
Islands of Adventure e Universal Studios

Islands of Adventure e Universal Studios

VEJA MAIS



Comentários

Deixe seu comentário via facebook abaixo: