Santiago, Chile - Dia 1


Dia 12/01/10

Embarcamos para o Chile já era quase 10:00 horas e chegamos em Santiago 13:00, porque lá é uma hora a menos que São Paulo.
Logo que desembarcamos já recebemos um grande assédio de taxistas querendo nos levar, chega a ser muito chato! Mas resolvemos economizar.
Fomos no guichê de informações, pegamos um mapinha da cidade e informações sobre o ônibus. Trocamos alguns dólares por pesos para poder pegar o ônibus, mas trocamos apenas 20 dólares porque no aeroporto eles pagam menos e ainda combram uma taxa de 1,50 dólares.


Pegamos o ônibus centropuerto na saída 04 e ficamos na estação de metrô Los Heroes onde pegamos um metrô até a estação Parque Bustamante e fomos andando até o nosso hostel, Eco Hostel, dá uns 700 metros de caminhada.
Gostamos muito do hostel, tudo limpinho e arrumado e fomos muito bem recebidos! Uns dos donos, o Enzo é um ótimo guia e dá ótimas informações!





Já chegamos e saímos em direção ao Mercado Central para comermos lá. O pessoal do hostel nos informou que a estação de metrô Universidad Católica tem quase a mesma distância da Parque Bustamente e já fica na linha vermelha que dá acesso a maioria dos lugares, então é mais fácil pegar metrô nela, assim fomos andando pela Avenida Portugal até chegar na Av. Libertador Bernado O"Higgins que é a principal da cidade e pegamos o metrô na estação Universidad Católica até a estação Plaza de Armas, que já sai na própria Plaza de Armas.



Muito linda a Plaza, cheia de mesas com pessoas comendo, tomando cerveja, sorvete... lá tem várias pessoas fazendo mágicas e todos que estão passando param para ver. Muito legal!!



Pegamos a rua Paseo Ahumada, que é um calçadão comprido, em direção ao Mercado Central, mas enrolamos tanto no caminho que quando chegamos lá já estava fechado! Isso já era umas 17:00 horas. Daí comemos em um lugar típico ali perto, que funciona há 80 anos, uma empanada de pina (carne, cebola, ovo, azeitona, tudo misturado em um molho) e uma empanada de queso, que é queijo, muito gostosa!






Voltamos andando por toda Paseo Ahumada, muito gostoso andar por esse calçadão cheio de lojas, bares, cafés e vivenciar o que a população da cidade vivencia! Paramos também na catedral, muito linda por dentro e muito grande!!

Voltamos pro hostel de metrô, dessa vez o preço tava maior porque lá o preço do metrô varia conforme o horário, e descansamos até nosso amigo Alexandre chegar, umas 23:00 horas. Saímos para comer ali por perto e já estava tudo fechado! Acabamos achando um lugar perto da estação de metrô Baquedano, onde comemos a Parrillada, que é carne, frango, porco e linguiça na chapa. É bem grande, pedimos para duas pessoas e comemos os três muito bem! É gostosa a Parrillada mas é diferente da nossa carne e um pouco forte.


Parrillada
Gastos do dia por pessoa em peso chileno:
ônibus - $ 1400
metrô para hostel, depois para o centro e depois para o hostel de novo - $ 1260
água - $ 500
refrigerante - $ 700
almoço empanada de pina e de queso - $ 1300
parrillada e cerveja - $ 5000

Confira também

Praia da Lagoinha - CE

Praia da Lagoinha - CE

VEJA MAIS
Lago do Manso - MT

Lago do Manso - MT

VEJA MAIS



Comentários

Deixe seu comentário via facebook abaixo: